quinta-feira, 3 de novembro de 2011

[Indicação] - Os Três Mosqueteiros



Hey people!! Semana passada fui ao cinema (carooooo UCI) com meu amore ver Os Três Mosqueteiros. Eu adorei o filme e queria compartilhar com vocês e saber as impressões de quem viu sobre este clássico! ;-)



Aqui estão sinopse e informações: 


Título original: (The Three Musketeers) 
Lançamento: 2011 (França, Alemanha, Reino Unido, Estados Unidos) 
Direção: Paul W.S. Anderson 
Atores: Matthew Macfadyen, Logan Lerman, Luke Evans, Ray Stevenson. 
Duração: 110 min 
Gênero: Aventura 
Sinopse: D'Artagnan (Logan Lerman) é um jovem do interior treinado pelo pai para se tornar um mosqueteiro. Ele segue para Paris para realizar o sonho, mas logo enfrenta problemas devido ao seu pavio curto. Após esbarrar com Athos (Matthew Macfadyen), Aramis (Luke Evans) e Porthos (Ray Stevenson), D'Artagnan agenda duelos com eles para o mesmo dia. O quarteto acaba lutando junto contra os guardas do cardeal Richelieu (Christoph Waltz), o que faz com que o jovem se aproxime do trio de amigos. Athos, Portos e Aramis atualmente estão desanimados e sem função definida, após serem traídos pela Milady (Milla Jovovich) em uma missão em Veneza. Eles voltam à ativa ao lado de D'Artagnan quando Richelieu e Milady tramam contra a rainha Anne (Juno Temple), tentando forjar um romance entre ela e o Duque de Buckingham (Orlando Bloom). O objetivo é que a situação faça com que o povo perceba a fragilidade do rei Louis (Freddie Fox) e queira um monarca de mais força, sendo a chance sonhada para que Richelieu assuma o poder. 
Fonte: Adoro Cinema


Sim, esta é a sinopse, mas eu senti mais do filme. Pra começar, vou compartilhar minhas impressões sobre o elenco. 


Athos (Matthew Macfadyen), nosso herói de Orgulho e Preconceito, lindo de morrer e com seu delicioso sotaque que tira o fôlego de qualquer donzela, (como eu... uhsuhuhsha) apaixonada pelas terras inglesas. =D Na trama, ele está ligeiramente esquisito com esse cabelinho à la século 15. Mas, seus olhos azuis esverdeados e expressão sofrida (sim, ele sofre de amor na trama), faz com que desejemos levá-lo prá casa e providenciar para que as dores de seu coração partido sejam curadas. Aiai... (me certificando que meu marido não segue este blog....uhsausahusahsauha). 




Porthos (Ray Stevenson). Não me lembro de ter visto este belo rosto em filmes que tenha assistido ou que sejam muito famosos. Posso estar enganada, mas o que importa é que ele me CON-QUIS-TOU em Os Três Mosqueteiros. Divertido, bonachão sem ser babaca, inteligente e charmoso, o gajo arranca boas risadas com seu charme medieval e seu porte de cavaleiro/guerreiro/espadachim, tudo-ao-mesmo-tempo-agora! Adoooooooooooooro!!! 




Aramis (Luke Evans). O cara é um padre "reformado" digamos assim....kkkkk O lance é que ele achou melhor servir à coroa e ao país sendo parte da guarda do rei ao invés de fazer as vezes de bom samaritano com o povo sofrido. O caso é que ele é misterioso e aparece pouco na trama (que se desenrola em torno de D'Artagnan, claro). Mas, o pouco que "produz" é bem legal, se o espectador for atento. 




Richelieu (Christoph Waltz). Eu passei o filme inteiro tentando descobrir qual foi o vilão que ele tinha representado num filme que eu assisti recentemente. Me lembrei disso porque seu personagem no dito filme, me deixou intrigada, com a pulga atrás da orelha o tempo inteiro. Nunca sabia se ele era do bem ou "dumau". Enfim, acabei me lembrando. Água para Elefantes. O filme, apesar de ter o cara-de-boiola Robert Pattinson, é bem legal. Então, qual não foi a minha surpresa ao ver que em Os Três Mosqueteiros, ele também era o vilão em pessoa?! E daqueles que tem as características que comentamos outro dia: narcisismo, arrogância e sede de poder...rsrsrsrs...Adorei! =D 




Duque de Buckingham (Orlando Bloom). Ai, que delícia de menino esse Orlando Bloom, vamos combinar?! Ele está graciosamente irônico, prepotente e sarcástico, dando um baile de interpretação, com caras e bocas nesse filme. Sem contar que ele não coloca a mão na massa especificamente. Ele manda fazer ou usa sua inteligência e influência prá tocar o terror na bagaça toda. Muito divertido! Além disso, ele me lembrou o tempo todo do meu cunhado mais novo. Incrível como eles se parecem e só fui me dar conta com esse filme. #aloka 




Milady (Milla Jovovich). A heroína de Resident Evil está má, muito má na trama. Ela usa diversas artimanhas, para conseguir o que quer. Ela joga o próprio jogo e nunca se sabe também se podemos confiar que suas atitudes sejam a favor da França ou Inglaterra, ou dela mesma e de sua ânsia pela beleza e poder. Me dá um nerrrrrrvooo..... hahahahaha 




E por fim, o jovem e corajoso D'Artagnan (Logan Lerman). O carinha que surgiu em Percy Jackson, irmão gêmeo na vesguisse com Luan Santana, até que dá mais caldo nesse filme do que no outro. Bom, sou suspeita prá falar porque DETESTEI Percy Jackson. Só valeu pelo Pierce Brosnan na pele do Quíron, mesmo achando um papel ínfimo para o talento do ator. Enfim, o garotão é bem corajoso e divertido. Cabe à ele fazer escolhas difíceis que definirão o rumo da história. Atuação mediana/baixa, mas que supriu seu propósito. (a que sabe tuuudo de cinema e atuação... =P ) 




No geral, o filme é uma delícia!!! Divertido nas horas certas, dramático nas horas certas, com cenas de ação e de comédia unidas nos momentos certos. Tem um toque de A Volta ao Mundo em 80 Dias bem gostoso, e acima de tudo, algo que ficou gritando dentro de mim e que eu não pude compartilhar com o Jonas, que me fez querer criar este post para o filme: Na minha humilde opinião, ele é completa, total e irrevogavelmente um filme do gênero Steampunk!!! Não é lindo???!!! Eu fiquei pulando na cadeira de excitação ao perceber isso...hehehe... 


Com cenários lindos, figurinos muito bem feitos, cores exuberantes e detalhes que "devem" ser percebidos (é uma dica), o filme é diversão pura e deixa um gostinho de quero mais. (é uma clue)... ;-D Deixei o trailer pro final, prá vocês buscarem nas imagens as impressões que eu tive. 


video




Espero ver comentários aqui no blog. Vamos trocar figurinhas, ok? 


ps.: coloquei as fotos do site oficial porque foi difícil achar fotos deles nos filmes, viu!


Bjinhos!!!

4 comentários:

  1. Dani,
    assista Inglorious Basterds e você nunca irá esquecer de Christoph Waltz!!

    ResponderExcluir
  2. o ator o Porthos fez o seriado ROMA , ele é ótimo adoro ele.
    mas não gostei do filme, sou fã do clássico, esse novo não me pegou não, gostei de alguma coisas , mas no balanço gral, prefiro o clássico mesmo.

    ResponderExcluir
  3. Ligya, eu assisti Bastardos Inglórios e lembrei dele sim. Mas o outro filme é mais recente e nesse ele fez esse jogo dúbio, que fiquei com dúvidas até a última cena. Em Bastardos Inglórios ele é mau do começo ao fim.

    ResponderExcluir
  4. Ok, vou ser chata e dizer o quanto eu ODIEI profundamente esse filme? E é uma pena porque o Christoph Waltz de Richelieu era meu dream!cast! Mas sério, é tão difícil fazer um filme que siga a história do livro? Talvez eu seja fã chata, ok eu sei que sou, mas achei uma grande apelação e o filme foi puro efeito especial. Claro que é sempre bom ver meu querido Mr. Darcy... mas... É a vida
    Dica pra li que gosta do Christoph, vá ver besouro verde!!!

    ResponderExcluir

Falar você deve. Com você, o lado rosa da força estará.